Argentina começa tratamento contra a covid-19
Getty Images/BBC Brasil
Argentina começa tratamento contra a covid-19

Da mesma forma que pesquisadores do Instituto Vital Brasil, do Rio de Janeiro, estão desenvolvendo um soro para combater a Covid-19 com a ajuda de cavalos,  na Argentina, um laboratório já começará a testar em humanos um soro feito à base do plasma do animal.

A agência de vigilância sanitária da Argentina aprovou a fase de ensaios clínicos em humanos da pesquisa e os testes em humanos permitirão avaliar a segurança e eficácia desta substância no organismo.

Desenvolvido por pesquisadores da Universidade Nacional de San Martín, em parceria com a empresa de biotecnologia Inmunova, o soro começará a ser testado em quatro hospitais de Buenos Aires.

A expectativa, porém, é que ele seja ampliado, em breve, para outros dez centros de saúde da região metropolitana, onde se concentram 90% dos casos de coronavírus entre os argentinos.

De um modo geral, o tratamento consiste em dar esses anticorpos, produzidos pelos cavalos, aos pacientes com Covid-19 , já que ele teria a capacidade de frear e neutralizar o vírus, impedindo o desenvolvimento da doença. Nos ensaios "in vitro", o soro se mostrou capaz de neutralizar o vírus até 50 vezes mais do que em testes feitos com o plasma retirado de pacientes recuperados.

No Brasil, o Instituto Vital Brazil pretende realizar o lançamento do soro nos primeiros meses de 2021.

    Veja Também

      Mostrar mais