Coveiro com roupa impermeável em cemitério Nossa Senhora Aparecida%2C em Manaus
Alex Pazuello/Prefeitura de Manaus
Nenhuma região teve queda no número de novos casos da Covid-19 em uma semana

Os casos confirmados da Covid-19 , doença causada pelo novo coronavírus (Sars-CoV-2), cresceram 36% em sete dias. Na semana epidemiológica 30, de 19 a 25 de julho, os novos registros de diagnósticos positivos da doença foram 319.653, enquanto no período de 12 a 18 de julho os novos casos foram 235.010. O Brasil  chegou a 90 mil vítimas da Covid-19, com um recorde de 1.595 óbitos em 24 horas.

As informações são do Ministério da Saúde, divulgados durante entrevista coletiva nesta quarta-feira (29) na qual a pasta fez a atualização do cenário epidemiológico da Covid-19 e das medidas de combate à doença.

Separando os números por região, é possível observar que houve alta de casos confirmados em uma semana em todas as regiões do Brasil.

A região que teve maior crescimento foi o Centro-Oeste, que subiu 63% da semana epidemiológica 29 para a 30. Comparando a média diária de casos duas semanas, também houve alta. O número foi de 3.695 para 6.038.

O Sudeste aparece em segundo lugar, com uma média diária que passou de 10.807 para 16.315, o que corresponde a um aumento de 51%. A região Nordeste é a que vem em seguida, com crescimento percentual de 27%. Em números absolutos, o número foi de 10.135 para 12.902 na média diária.

Por fim, as regiões Sul e Norte também tiveram alta, de 25% e 8%, respectivamente. Na primeira, o crescimento da média diária foi de mais de mil, de 4.484 para 5.588. Já na segunda, o número foi de 4.451 para 4.822.

    Veja Também

      Mostrar mais