camundongos
shutterstock
Com vacina, pneumonia causada pela Covid-19 não se agravou em camundongos


Um novo estudo preliminar publicado no portal online da publicação científica “Cell Host and Microbe” afirma que uma vacina experimental norte-americana foi capaz de  neutralizar a Covid-19 em camundongos.


Os animais foram infectados com o novo coronavírus (Sars-CoV-2) para desenvolver a pneumonia causada pelo vírus, e a solução evitou que o quadro se agravasse.

Para produzir resposta imunológica intensa, cientistas da Universidade de Washington, nos Estados Unidos, modificaram a genética da estomatite vesicular (VSV) e o enfraqueceram.

Esse vírus foi carregado com proteínas do Sars-CoV-2 e se tornou um híbrido. A  proteína spike — os espinhos capazes de infectar as células humanas e causar a duplicação — para causar o efeito reverso, produzindo  anticorpos .

Tanto a vacina como a pesquisa estão na etapa inicial, mas já se mostrou relevante diante de seus resultados.

A pesquisa completa, que deve ser publicada no próximo mês, já foi revisada por outros profissionais da área. Alguns concordam que a tática usada é considerada promissora.

O modelo será aplicado em outros animais antes de passar para os testes clínicos, que são realizados em humanos.

    Veja Também

      Mostrar mais