Cemitério
Roberto Costa/Código 19/Agência O Globo
Movimentação no Cemitério Vila Formosa o maior Cemitério da América Latina

A América Latina atingiu, neste fim de semana, a marca de 400 mil mortes causadas pela Covid-19. Do total, as primeiras 200 mil mortes foram registradas no dia 2 de agosto, ou seja: em três meses a região dobrou o número de vítimas.

Sozinha, a América Latina representa quase um terço do total de óbitos no mundo, de acordo com análise da agência Reuters. O Brasil lidera o ranking, com mais de 160 mil mortes em território nacional.

Apesar da marca, a região parece viver, agora, o declínio da curva da primeira onda da doença, com média móvel de 1,6 óbitos nos últimmos dias. Em julho, considerado pico da doença, a média era de 3,1 mortes por dia.

    Veja Também

      Mostrar mais