Indonésia vai iniciar vacinação em massa com a CoronaVac no dia 13
Redao - BBC News Brasil
Indonésia vai iniciar vacinação em massa com a CoronaVac no dia 13

Indonésia  anunciou, nesta terça-feira (5), que vai iniciar a vacinação contra a Covid-19 com a  CoronaVac já no dia 13 de janeiro. O ministro da Saúde, Budi Gunadi Sadikin, afirmou que o presidente do país, Joko Widodo, será o primeiro que receberá a dose da vacina, que é desenvolvida pelo laboratório chinês Sinovac Biotech.

A Indonésia é o mais atingido pela pandemia no sudeste asiático. São 22 mil mortes e 772 mil casos confirmados, segundo dados da Universidade Johns Hopkins. O país é o 4° mais populoso do mundo, com mais de 265 milhões de habitantes. 

A Indonésia já recebeu 3 milhões de doses da CoronaVac e também tem acordo com a Pfizer/BioNTech e a AstraZeneca. Ao todo, o país já garantiu 329 milhões de doses de vacinas.

O governo indonésio anunciou uma estratégia de imunização diferente das convencionais. Em vez de priorizar idosos, profissionais de saúde e pacientes de grupos de risco, o país decidiu iniciar a vacinação em pessoas de 18 a 59 anos. O objetivo é impedir a disseminação do vírus pelo grupo que tem mais mobilidade e está mais exposto à contaminação. 

Você viu?

Além da Indonésia, quatro países preveem usar a CoronaVac: Chile, China, Turquia e Brasil, onde a vacina é testada em parceria com o Instituto Butantan.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários