Brasil registra mais mortes por Covid-19 nesta terça-feira do que soma de 9 países com mais registros
Reprodução: BBC News Brasil
Brasil registra mais mortes por Covid-19 nesta terça-feira do que soma de 9 países com mais registros

Em dia recorde de mortes por Covid-19 desde o início da pandemia, o Brasil registrou, nesta terça-feira (30), 3.688 óbitos por Covid-19. Número maior do que a soma dos outros nove países que mais registraram mortes nas últimas 24 horas, segundo dados do Worldometers, site norte-americano de estatísticas em tempo real.

Ao somar os dados divulgados, EUA (858), Itália (529), Polônia (461), Rússia (409), Índia (355), França (348), Ucrânia (286) e Hungria (274), tiveram 3.520 novas mortes em 24 horas. No mesmo período, o Brasil teve 3.688 mortes, o que representa 34,6% dos óbitos por Covid-19 registrados em todo o mundo.

Em novas contaminações diárias, o Brasil também lidera, com 86.704 diagnósticos positivos. Em seguida estão os Estados Unidos, com pouco mais de 60.738; Índia, com 53,076; e Turquia, com 37.303.

O Brasil tenta acelerar o ritmo de imunização para conter a explosão de casos e óbitos. Segundo balanço de imunização do consórcio de imprensa (G1, O Globo, Extra, Estadão, Folha e UOL), 16.937.084 pessoas já receberam a primeira dose de vacina contra a Covid-19 no Brasil, o que representa 8% da população brasileira.

O número de imunizados, porém, aqueles que receberam a segunda dose, é de apenas 4.946.579 pessoas (2,34% da população do país).

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários