62 países já aprovaram uso da vacina Sputnik V, como a Argentina; veja outros
Reprodução: ACidade ON
62 países já aprovaram uso da vacina Sputnik V, como a Argentina; veja outros

Atualmente, 62 países no mundo aprovaram o uso da vacina russa contra a Covid-19, Sputnik V, segundo levantamento do jornal 'The New York Times'. O imunizante teve o pedido de importação para o Brasil reprovado, nesta segunda-feira (26),  em uma reunião da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). A agência brasileira alegou que faltam dados sobre a segurança e eficácia do imunizante, além de mais informações sobre as etapas de fabricação.

A Sputnik V foi a primeira vacina contra a Covid-19 a ser registrada no mundo, ainda em agosto de 2020. O imunizante tem aprovação completa apenas na própria Rússia, onde foi desenvolvida pelo laboratório Gamaleya.

Em todos os outros países, a autorização já obtida é a mesma que o fabricante buscava receber no Brasil, para uso emergencial.

Veja na sequência os países que já aprovaram o uso emergencial da Sputnik V:

  • Argélia
  • Angola
  • Antígua e Barbuda
  • Argentina
  • Armênia
  • Azerbaijão
  • Bahrein
  • Belarus
  • Bolívia
  • Bósnia
  • Camarões
  • Cazaquistão
  • Congo
  • Djibuti
  • Egito
  • Emirados Árabes
  • Eslováquia
  • Filipinas
  • Honduras
  • Gabão
  • Gana
  • Guatemala
  • Guiné
  • Guiana
  • Hungria
  • Índia
  • Irã
  • Iraque
  • Jordânia
  • Laos
  • Líbano
  • Macedônia do Norte
  • Mali, Marrocos
  • Ilhas Maurício
  • México
  • Mianmar
  • Moldávia
  • Mongólia
  • Montenegro
  • Namíbia
  • Nepal
  • Nicarágua
  • Paquistão
  • Autoridade Palestina
  • Panamá
  • Paraguai
  • Quênia
  • Quirguistão
  • San Marino
  • São Vicente e Granadinas
  • Sérvia
  • Ilhas Seychelles
  • Síria
  • Sri Lanka
  • Tunísia
  • Turcomenistão
  • Uzbequistão
  • Venezuela
  • Vietnã
  • Zimbábue

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários