Anvisa autoriza estendimento do armazenamento para vacina da Pfizer
Patrick T. Fallon/Divulgação
Anvisa autoriza estendimento do armazenamento para vacina da Pfizer

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) autorizou, nesta sexta-feira (28), um novo prazo para armazenamento da vacina da Pfizer. Agora, a vacina pode ser mantida em temperatura controlada entre 2º e 8º por até 31 dias. A orientação anterior era de apenas 5 dias.

A equipe técnica da Anvisa avaliou os estudos de estabilidade apresentados pelo laboratório que faz o imunizante. "Os estudos de estabilidade servem para definir por quanto tempo e em quais condições a vacina mantém suas características sem alteração", disse a agência, por meio de nota.

Além do Brasil, agências reguladoras dos Estados Unidos e da Europa também estenderam o tempo de armazenamento do imunizante para um mês.

O novo prazo contribui para a ampliação da distribuição da vacina em todo o país. Nesta quarta-feira (26), o Ministério da Saúde autorizou estados a repassarem a vacina para outros municípios. Antes, a distribuição estava restrita apenas às capitais, por conta da capacidade técnica delas em manter as vacinas conservadas.

Segundo a pasta, "as cidades elegíveis passaram pela verificação de critérios técnicos, como o distanciamento de até 2h30 da capital do estado, considerando as particularidades que envolvem o armazenamento da vacina durante o transporte."

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários