Após receber as denúncias, as reclamações são encaminhadas para uma unidade do Ministério Público para que as providências legais sejam tomadas
Rovena Rosa/Agência Brasil
Após receber as denúncias, as reclamações são encaminhadas para uma unidade do Ministério Público para que as providências legais sejam tomadas


Alguns postos de vacinação da cidade de São Paulo registraram falta de vacinas contra a Covid-19 nesta sexta-feira (25). Na última segunda,  300 UBSs ficaram sem doses dos imunizantes na capital e, no dia seguinte,  a vacinação teve que ser suspensa. Segundo levantamento do iG Saúde no Filômetro , ao todo, 48 postos de saúde estavam aguardando abastecimento ao meio-dia de hoje.

A situação estava pior na zona sul, onde 38 postos estavam sem vacinas. Na zona leste, eram oito esperando o reabastecimento e, na zona norte, dois. A zona oeste e centro eram as únicas regiões com todos os postos funcionando.

Nesta sexta, a cidade de São Paulo começa a vacinar pessoas com 47 anos de idade ou mais. Na segunda-feira (28), a imunização deve avançar para pessoas com 46 e 45 anos de idade.

Segundo informações da Folha, servidores da rede municipal consideram que as doses entregues não têm sido suficientes para cumprir o calendário de vacinação na capital. Ainda segundo o jornal, o remanejamento de doses tem ocorrido com frequência, o que não seria o ideal. 

Mesmo enfrentando problemas de abastecimento, o Brasil tem intensificado o ritmo de vacinação. Em junho, a média é de pouco mais de 1 milhão de doses aplicadas por dia, o melhor resultado desde o começo da campanha de imunização contra a Covid-10.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários