Posso ter sintomas de Covid-19 a longo prazo após ser vacinado?
Isabela Silveira
Posso ter sintomas de Covid-19 a longo prazo após ser vacinado?

Os estudos das vacinas contra a Covid-19 indicam que elas protegem contra casos graves e mortes da doença. No entanto, os sintomas a longo prazo ainda são estudados. O que as pesquisas mostram é que, qualquer pessoa que tenha sido vacinada tende a ter os efeitos do vírus reduzidos.

Ou seja, os sintomas a longo prazo da Covid-19 vão ter uma gravidade menor em pessoas que pegaram a doença após terem recebido a vacina. Esse grupo também tem chances bem menores de desenvolverem esses sintomas. Maiores estudos estão em andamento para entender esses casos.

Sintomas a longo prazo da Covid-19

É estimado que pelo menos 30% das pessoas que tiveram Covid-19 desenvolvem sintomas a longo prazo, incluindo perda de olfato, paladar, fadiga e fraqueza. Sintomas semelhantes também podem se desenvolver após outras infecções virais, a expectativa é que eles sumam com o tempo.

No entanto, no caso da Covid-19, os sintomas a longo prazo ainda não estão totalmente claros. Não se sabe ainda ao certo o motivo que leva eles a permanecerem no corpo. Um estudo recentemente feito em Israel encontrou sintomas persistentes da doença em profissionais de saúde por pelo menos seis semanas.

Um artigo de revisão feito por universidades dos Estados Unidos, México e Suécia analisou 18 mil pesquisas publicadas sobre o tema até janeiro de 2021. Entre os 47.910 pacientes que integraram os estudos, os cinco principais sintomas detectados foram: fadiga (58%), dor de cabeça (44%), dificuldade de atenção (27%), perda de cabelo (25%) e dificuldade para respirar (24%). Pelo menos 80% dos infectados demonstraram algum desses sintomas cerca de duas semanas após a recuperação do vírus.

Você viu?

Uma das hipóteses que os sintomas são causados por danos no pulmão e outros órgãos, resultados de uma infecção grave da Covid-19. Além disso, o vírus pode permanecer no corpo por mais tempo, gerando outras respostas imunológicas.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários