Hospitais registram queda no número de internados por covid-19
SP
Hospitais registram queda no número de internados por covid-19

Uma pesquisa realizada pelo Sindicato dos Hospitais, Clínicas e Laboratórios do Estado de São Paulo (SindHosp) revelou a queda no número de pacientes internados por  covid-19 na rede privada do estado.

Nos últimos 10 dias, 98% dos 60 hospitais pesquisados registraram diminuição na internação. Em 64% deles, a taxa de ocupação dos leitos chegou a cair cerca de 50%. Em 17%, a redução de internações atingiu o índice de 71%. Juntos, os hospitais ouvidos somam 2.454 leitos de UTI e 4.157 leitos clínicos.

Outro ponto relevante apresentado pela pesquisa é a queda na ocupação dos leitos de UTI - 66% dos hospitais registram ocupação menor que 50% dos leitos, e apenas 30,5% apontam ocupação entre 91% e 90%, considerada alarmante.

Na pesquisa realizada em agosto, 71% dos hospitais tinham ocupação entre 51% e 70% em unidades de terapia intensiva. Apenas 11% tinham ocupação menor que 50%.

Apesar das quedas, outro dado significativo chama atenção: o tempo de internação na UTI cresceu. Em 75% dos hospitais, os pacientes já permanecem de 15 a 21 dias. Na pesquisa anterior, esse período era registrado em apenas 13% dos hospitais - 73% deles contabilizavam o tempo médio de internação entre 8 e 14 dias.

Idosos ainda são maioria

Os dados do SindiHosp mostram que os idosos ainda são maioria nos leitos de UTI em São Paulo. Em 47% dos hospitais pesquisados, predominam os pacientes acima dos 70 anos, e 39% entre 61 e 70 anos. Em agosto, a prevalência dos pacientes acima de 70 anos era de 60% - a queda pode ser atribuída à aplicação da terceira dose da vacina, diz o documento.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários