Covid-19: Gasto com abertura de leitos de UTI cresceu 81% em 2021
Marcello Casal Jr/Agência Brasil
Covid-19: Gasto com abertura de leitos de UTI cresceu 81% em 2021

A abertura de  Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) para tratamento da Covid-19 já superou, neste ano, todo o volume de 2020. No ano passado, foram 19 mil leitos abertos. Agora, até setembro, são 23,4 mil (23% a mais). O volume de dinheiro gasto também subiu e passou de R$ 3,8 bilhões para R$ 6,9 bilhões, o que significa um aumento de 81,5%. Os dados foram divulgados nesta terça-feira (5) pelo portal 'Metrópoles', com base em informações do Ministério da Saúde e SUS.

Para serem habilitados, estados e municípios devem enviar um ofício ao Ministério da Saúde com a solicitação para abrir os leitos. Entre os aspectos observados, estão a curva epidemiológica do coronavírus na região, a estrutura para manutenção e funcionamento da unidade e o corpo clínico para atuar nos leitos.

Os recursos são pagos em parcela única a estados e municípios. Pelo menos 21 estados já receberam a ajuda. Cada estrutura para Covid-19 demanda diariamente o dobro do valor habitual para leitos de UTI, passando de R$ 800 para R$ 1.600.

Em nota ao Metrópoles, o Ministério da Saúde afirmou que o aumento de leitos é uma medida de apoio aos estados e municípios. “As autorizações ocorrem sob demanda dos estados, que possuem autonomia para disponibilizar e financiar quantos leitos forem necessários ao atendimento da população.”

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários