Primeiro-ministro da França pega Covid e deixa políticos em quarentena
Reprodução
Primeiro-ministro da França pega Covid e deixa políticos em quarentena

O primeiro-ministro da França, Jean Castex, testou positivo para Covid-19 e ficará isolado por dez dias, informou sua assessoria. Por conta disso, na Bélgica, o primeiro-ministro Alexander De Croo e vários outros entraram em quarentena nesta segunda-feira (22) por terem se reunido com Castex no início do dia.

Embora a França não tenha novas restrições, como a Áustria e a Alemanha, a nova onda da pandemia está atingindo o país em "alta velocidade", disse o porta-voz do governo Gabriel Attal no domingo. 

O governo da França estuda intensificar os esforços para aumentar os números da vacinação no país. Os países da União Europeia estão pressionando por um acordo sobre como administrar as vacinas de reforço enquanto tentam conter a quarta onda da pandemia.

"Precisamos chegar a um acordo sobre quando as vacinas expiram e sobre quando o reforço deve ser administrado", afirmou o ministro das Relações Exteriores de Luxemburgo, Jean Asselborn, enquanto ministros de assuntos europeus se reuniam em Bruxelas, nesta terça-feira (23).

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários