Coletiva de Imprensa do estado de São Paulo
Reprodução/redes sociais
Coletiva de Imprensa do estado de São Paulo

Nesta quarta-feira (12/01), o governador João Doria , anunciou em coletiva de imprensa que o estado de São Paulo comprou mais 2 milhões de testes rápidos de antígenos para covid-19. Os testes serão disponibilizados até fevereiro aos municípios de São Paulo. A medida visa ampliar as políticas de testagens e o monitoramento de casos de coronavírus no estado.

“São Paulo liberou R$ 12 milhões para a aquisição de mais 2 milhões de testes rápidos que estarão disponíveis na rede até fevereiro. Os testes funcionam como uma bússola para diagnóstico rápido e ação efetiva para controle da doença”, disse o governador.

Os testes têm grau de efetividade de 98% e o resultado sai em 15 minutos.

A vacinação para crianças também foi um dos assuntos, a partir de hoje, está disponível o pré-cadastro para vacinação contra covid-19 do público infantil, na faixa etária de 5 a 11 anos. Pais e responsáveis podem realizar o cadastramento no site “Vacina Já”.

O pré-cadastro é opcional e não é um agendamento, mas agiliza o atendimento nos locais de imunização, evitando filas e aglomerações. A estimativa é de que 4,3 milhões de crianças comecem a ser vacinadas assim que as doses forem liberadas pelo Ministério da Saúde.

Leia Também

Doria disse que aguarda aprovação da vacina da Coronavac para crianças , e se for aprovado, a campanha terá início nas próxima semanas. A vacina da Pfizer já foi aprovada e terá sua campanha iniciada ainda esta semana. 

“A previsibilidade é que chegue 240 mil doses de vacina, este é um quantitativo ainda pequeno, e por isso vamos seguir com o que foi preconizado pelo Ministério da Saúde, na vacinação de crianças de 5 a 11 anos com prioridade para aquelas com comorbidades, indígenas e quilombolas.”, explicou Regiane da Paula, coordenadora geral do programa estadual de imunização.

João Gabbardo, coordenador executivo do comitê cientifico, afirmou ainda que a obrigatoriedade do uso de máscara será prorrogada até 31 de maço para conter o avanço do novo coronavírus e suas variantes.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários