Anvisa aprova primeiro autoteste de Covid-19 que usa a saliva
Pixabay
Anvisa aprova primeiro autoteste de Covid-19 que usa a saliva

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou mais dois autotestes de Covid-19, sendo que um deles é o primeiro autorizado no país a usar a saliva, em vez de secreção do nariz. A autorização dos produtos foi publicada nesta sexta-feira no Diário Oficial da União. Ao todo, a Anvisa já aprovou quatro autotestes.

O autoteste é aquele em que a própria pessoa faz todas as etapas, sem necessidade da ajuda de um profissional ou laboratório. A Anvisa destaca a importância de ler as instruções antes de fazer o teste.

O teste com saliva foi registrado pela empresa Eco Diagnóstica Ltda, e será fabricado no Brasil. A pessoa deverá cuspir num copo. Haverá uma haste igual à dos testes no nariz, mas ela será usada apenas para transferir uma certa quantidade da saliva do copo para um tubo.

O outro teste aprovado foi desenvolvido pela empresa Kovalent e usa uma haste que deve ser inserida no nariz. Ele será fabricado no Brasil e poderá ser comprado em versões com um, dois ou cinco testes.

O órgão explicou que, para conceder o registro, foram avaliados critérios como segurança,  desempenho, atendimento aos requisitos legais exigidos e usabilidade, ou seja, se as orientações e instruções estão em linguagem simples e com figuras ilustrativas que permitam fazer o uso correto do produto.

A Anvisa destacou também que, independentemente do resultado, medidas como o uso de máscaras, a vacinação e o distanciamento físico reduzem as chances de transmissão do vírus.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários