Rio de Janeiro não exige mais o uso de máscaras
Tânia Rêgo/Agência Brasil - 08/03/2022
Rio de Janeiro não exige mais o uso de máscaras

Segundo o Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass), o Brasil registrou 68.893 novos casos de covid-19 nesta terça-feira (8). Nas últimas 24 horas, 488 pessoas morreram vítimas da doença.

Para a contagem do dia, o órgão manteve os dados reportados ontem pela Bahia, visto que o estado apresentou problemas técnicos no envio das informações.

As médias móveis, que consideram os números divulgados nos últimos sete dias, seguem indicando uma melhora na condição da pandemia no país.

Hoje, a média móvel de infecções ficou em 46.742, bem distante dos 65.691 registrados na terça-feira passada, dia 1º de março. A queda foi de 28%.

Leia Também

A média de mortes também apresentou uma diminuição. Em 1º de março, o índice foi de 601, e hoje está em 457, número 26% menor.

Diminuição das restrições

Eduardo Paes, prefeito do Rio de Janeiro, que já determinou a desobrigação do uso de máscaras, afirmou hoje que o passaporte da vacina deixará de ser exigido na cidade quando 70% da população tiver recebido a dose de reforço da vacina.

A ideia, segundo Paes, é incentivar que a população procure os postos de saúde. Por enquanto, o Rio exige o documento de comprovação da vacinação em pontos turísticos, restaurantes, museus e academias.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários