O exame usa o método PCR-Lamp (sigla em inglês de amplificação isotérmica mediada por loop)
Foto: Reprodução/Olhar Digital
O exame usa o método PCR-Lamp (sigla em inglês de amplificação isotérmica mediada por loop)

Um novo teste para detectar a Covid-19 está disponível no mercado brasileiro. A diferença é que o novo formato é feito por meio da saliva e pode ser realizado em casa. O lançamento do teste ocorre nesta terça-feira, 27, e estará disponível na capital e em algumas cidades da Região Metropolitana de São Paulo.

teste meuDNA Covid, voltado para detectar o vírus em sua fase ativa, custa R$ 169 e o resultado, que pode ser acessado pela internet, fica pronto em 24 horas. A amostra é colhida pela própria pessoa por meio de um kit comprado pela internet.

A nova tecnologia é fruto de uma parceria do laboratório Mendelics com o Hospital Sírio-Libanês. O laboratório tem a capacidade de realizar 110 mil testes por dia. "A gente está vendo o que está ocorrendo nos outros países, que saíram do primeiro pico e veio um segundo. Enquanto não tiver uma vacina, tem de se preparar para esse ciclo. O risco de passar adiante sem querer e saber é significativo. Ter um teste acessível, fácil de colher, prático, contribui muito para reduzir o risco", diz David Schlesinger, CEO da healthtech meuDNA e da Mendelics, em entrevista ao jornal Estado de São Paulo.

O exame usa o método PCR-Lamp (sigla em inglês de amplificação isotérmica mediada por loop), que identifica o RNA do vírus nas células da pessoa infectada.

Ainda segundo Cesário Martins, diretor da healthtech meuDNA, os testes são similares. "Ele responde se está infectado no momento, técnica semelhante ao PCR, e tem a mesma especificidade, de 99%, e sensibilidade, de 80%."

Ao Estado de São Paulo, Martins destaca que o novo teste foi pensado para que a pessoa possa fazer sem necessidade de deslocamento. "O kit chega em casa e o nosso app chama o coletor que vai levar ao laboratório. Dependendo do horário em que a pessoa solicitar, vai recebê-lo no mesmo dia ou no dia seguinte." 

    Veja Também

      Mostrar mais