Vacina Coronavac%2C desenvolvida pela China%2C contra a Covid-19
Fotoarena / Agência O Globo
Vacina Coronavac, desenvolvida pela China, contra a Covid-19

Uma equipe composta por cinco técnicos da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) visitará a China na próxima sexta-feira (13). O objetivo da viagem é dois laboratórios que estão desenvolvendo vacinas contra a Covid-19, entre eles o Sinovac, em Pequim, farmacêutica responsável pela produção da CoronaVac, em parceria com o Instituto Butantan.

A autorização para a viagem foi publicada no Diário Oficial desta terça-feira (10). O grupo passará um mês na China e, nesse período, também vai visitar o laboratório Wuxi Biologics, em Xangai.

Os técnicos, especialistas em regulação e vigilância sanitária, voltarão para o Brasil no dia 13 de dezembro, depois de cumprirem o período de quarentena na China, inclusive.

CoronaVac com testes suspensos

Os estudos clínicos no Brasil envolvendo a vacina da empresa chinesa Sinovac foram suspensos depois que a Anvisa identificou um "evento adverso grave" com um dos milhares de participantes do teste feito em parceria com o Instituto Butantan, de São Paulo.

O imunizante da Sinovac, já na fase final de testes e distribuído para milhares de pessoas na China, está no centro de uma disputa política entre o governo federal e o governo estadual de São Paulo.

    Veja Também

      Mostrar mais