Objetivo seria suprir, com as novas doses, período antes da produção plena de vacinas pelo Butantan
Divulgação/Governo do Estado de São Paulo
Objetivo seria suprir, com as novas doses, período antes da produção plena de vacinas pelo Butantan

De acordo com o governador de São Paulo, João Doria (PSDB), o Instituto Butantan já negocia a compra de mais 20 milhões de doses da vacina CoronaVac contra a Covid-19. Até então, o Instituto já conta com 100 milhões de doses aguardadas até setembro.

A informação foi compartilhada por Doria em entrevita à agência Reuters. "Eu autorizei o doutor Dimas Covas, presidente do Instituto Butantan, para que fizesse um pedido de compra de mais 20 milhões de doses da vacina à Sinovac, além das 100 milhões já demandadas", disse Doria na entrevista.

Atualmente, novas doses da vacina vem sendo produzidas no Butantan após a chegada de novos lotes de IFA (insumo farmacêutico ativo) suficiente ara produção de mais 8,6 milhões de doses. Além disso, uma nova fábrica do Instituto tem previsão de ficar pronta em janeiro, quando a capacidade de produção será aumentada.

"Está na etapa de negociação, mas o laboratório Sinovac tem sido um bom parceiro, muito correto e muito solidário às nossas necessidades aqui do Brasil, e não tenho dúvida nenhuma de que nos atenderá nessa solicitação", afirmou o governador com otimismo.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários