Vacina Covaxin, desenvolvida pelo laboratório Bharat Biotech
Divulgação/Bharat Biotech
Vacina Covaxin, desenvolvida pelo laboratório Bharat Biotech

A farmacêutica indiana Bharat Biotech, responsável pelo desenvolvimento do imunizante Covaxin contra a Covid-19, afirmou que pretende exportar sua vacina para o Brasil ainda esta semana. A empresa solicitou autorização para realizar testes da fase 3 no País e aguarda resposta da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

O ministério da Saúde, porém, já sinalizou que pretende importar 8 milhões de doses da vacina em fevereiro e outras 12 milhões de doses em março deste ano. A Covaxin recebeu a autorização de uso emergencial da Índia, seu país de origem. A intenção de exportar esta semana para o Brasil foi dita pelo porta-voz da Bharat à agência de notícias Reuters.

Atualmente, um teste com 25,8 mil voluntários analisa a eficácia da vacina na Índia. Os resultados são aguardados para março, mas já há informações preliminares que afirmam que a vacina previne, inclusive, as novas variantes do vírus. A empresa já forneceu 5,5 milhões de doses ao governo indiado e também aguarda autorização de uso emergencial nas Filipinas.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários