Agentes da OMS investigam origem do vírus
Reprodução
Agentes da OMS investigam origem do vírus

A missão da Organização Mundial de Saúde (OMS), que busca apurar a origem da Covid-19 na cidade chinesa de Wuhan, encontrou indícios de que um surto da doença já era visível em dezembro de 2019, antes dos primeiros casos reportados pelo país.

De acordo com uma reportagem exibida pela rede CNN, os agentes da OMS apontaram a possibilidade de subnotificação, já que em dezembro a cidade não contava apenas com casos isolados, como os relatos oficiais sugeriam. Agora, a agência busca analisar amostras de sangue na cidade, o que deve ser liberado pelo governo Chinês.

A investigação sobre o vírus já ocorre há várias semanas em Wuhan. Apesar dos indícios de que a epidemia teria começado antes do notificado, a OMS também afirma que não existem evidências de que o vírus tenha sido transmitido pela primeira vez no mercado de animais da cidade. A OMS também descartou a criação do vírus em laboratório.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários