A questão sobre a propriedade das vacinas está em debate na Organização Mundial do Comércio, que vive um impasse
Foto: Thinkstock/Getty Images
A questão sobre a propriedade das vacinas está em debate na Organização Mundial do Comércio, que vive um impasse

A Organização Mundial da Saúde (OMS) pediu ao governo brasileiro que apoie a suspensão de patentes de vacinas contra a Covid-19. A solicitação foi feita pelo diretor-geral da OMS, Tedros Gebreyesus, em uma reunião bilateral com o governo brasileiro. A informação foi revelada pelo colunista do portal UOL Jamil Chade.

A questão sobre a propriedade das vacinas está em debate na Organização Mundial do Comércio, que vive um impasse diante do racha na comunidade internacional. 

Cem países em desenvolvimento querem que a propriedade intelectual sobre esses produtos seja suspensa enquanto a pandemia durar. O Brasil criticou a ideia, mas hoje sofre pressão cada vez maior, inclusive por parte do Congresso, para apoiar o movimento.

A iniciativa de suspender as patentes foi apresentada em outubro de 2020, mas é bloqueada por Estados Unidos, União Europeia e outras nações desenvolvidas. O Brasil é o único país contrário à ideia entre as nações de renda média e baixa.

Os países que defendem a suspensão de patentes afirmam que há capacidade industrial ociosa em algumas nações e que a iniciativa abriria espaço para produzir vacinas e medicamentos genéricos, acelerando a imunização em âmbito mundial.

Fonte: Uol

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários