Segundo a empresa, a nova remessa está prevista para chegar às 19h55 no aeroporto de Viracopos, em Campinas
Foto: Reprodução
Segundo a empresa, a nova remessa está prevista para chegar às 19h55 no aeroporto de Viracopos, em Campinas

A Pfizer anunciou que vai entregar ao Ministério da Saúde, nesta quarta-feira, um novo lote com 628.290 doses da vacina contra a Covid-19 desenvolvida em parceria com a BioNTech.

Segundo a empresa, a nova remessa está prevista para chegar às 19h55 no aeroporto de Viracopos, em Campinas (SP).

Questionado sobre a distribuição e uso da nova remessa, o Ministério da Saúde ainda não respondeu.

A chegada dessas doses faz parte do acordo firmado em março, que contempla a disponibilização de 100 milhões de vacinas ao país até o final do terceiro trimestre de 2021.

Com a nova entrega, somada às anteriores, o país contabilizará 2,2 milhões de imunizantes da farmacêutica americana, informa a Pfizer. As primeiras doses da vacina chegaram ao Brasil no dia 29 de abril.

Você viu?

“Reforçamos nosso compromisso de apoiar o Governo Brasileiro no combate à pandemia", afirma, em comunicado, a presidente da Pfizer Brasil, Marta Díez.

Na terça-feira, o Ministério da Saúde divulgou que fechou contrato para importar mais 100 milhões de doses da vacina da Pfizer, batizada de Comirnaty. Essas doses, no entanto, só começarão a chegar em setembro.

A expectativa do ministro da Saúde Marcelo Queiroga é imunizar metade da população brasileira com essa vacina ainda neste ano.

O imunizante da Pfizer é um dos recomendados para uso em gestantes pelo Ministério da Saúde, que anunciou na terça-feira a suspensão do uso da vacina de Oxford/AstraZeneca para grávidas e puérperas.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários