Tedros Adhanom, diretor-geral da OMS
Reprodução/Instagram
Tedros Adhanom, diretor-geral da OMS

O diretor-geral da OMS (Organização Mundial da Saúde), Tedros Adhanom, solicitou ajuda da China com as investigações sobre a origem da Covid-19.

“Nós continuamos a chamar a China para colaborar com esse processo e realizar os estudos recomendados”, disse Adhanom nesta terça-feira (14).

A OMS selecionou um time de especialistas para apurar o surgimento do vírus publicou seu primeiro levantamento na última semana. Eles solicitaram novas investigações nos laboratórios de Wuhan, cidade chinesa onde o surto começou. Também pediram mais dados sobre os primeiros infectados pela doença e sobre os animais comercializados e criados na região.

De acordo com os pesquisadores, é necessário avaliar tanto a hipótese da transmissão animal –o vírus ter se espalhado a partir de um mercado de Wuhan– quanto a de vazamento do Sars-CoV-2 em um acidente de laboratório. 

“Todas as hipóteses devem permanecer na mesa até que tenhamos indícios que possam descartá-las ou não”, afirmou o diretor-geral da OMS. Ele explicou a motivação para as investigações, dizendo que entender as origens da covid-19 é importante para prevenir futuras epidemias e pandemias.

Após dois anos de pandemia, OMS ainda não descobriu como o Sars-CoV-2 surgiu. O relatório divulgado na semana passada revisou os estudos disponíveis até o momento e determinou que “existem dados importantes que ainda não estão disponíveis para uma compreensão completa de como a pandemia de covid-19 começou”.

Segundo os pesquisadores, pode ter acontecido um pequeno acidente ou falha que resultou na infecção dos funcionários de um laboratório. “Historicamente, infelizmente, aconteceram [vazamentos de laboratório] com outros patógenos”, escreveram no documento.

Outra hipótese analisada pelo grupo –já defendida anteriormente pela OMS– é a transmissão do Sars-CoV-2 para humanos por meio de contato com animais infectados. As primeiras investigações sugeriram que um mercado de frutos do mar em Wuhan pode ter desempenhado papel importante no começo do surto da covid-19.

A equipe da OMS afirma que os morcegos Rhinolophus carregam vírus similares às cepas de Sars-CoV-2 detectadas em humanos. Mas os pesquisadores não confirmam que essa seria a fonte direta de transmissão do coronavírus. O vírus pode ter sido transmitido para humanos por outro animal ou de outra forma. Eles afirmam ser necessárias análises de mais amostras.

Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo.  Siga também o  perfil geral do Portal iG.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários