Tamanho do texto

Dentista explica o que é mito ou verdade sobre o procedimento; confira

Women's Health

O sonho de muitas pessoas é ter um sorriso de comercial de pasta de dente: dentes bem branquinhos e cintilantes. Afinal de contas, apesar do clichê, nossos dentes realmente são também nosso “cartão de visitas”. Mas será que a aquela pasta de dente faz milagre mesmo? E o clareamento, pode vir a estragar meus dentes?

Leia também: 6 coisas que você não deve fazer em hipótese alguma com a sua escova de dentes

clareamento dental arrow-options
shutterstock
Quando falamos de clareamento dental, há muitas dúvidas que rondam o assunto; por isso, esclarecemos oito questões

Tire, de uma vez por todas, 8 dúvidas que você tem sobre clareamento dental , com o Dr. Alexandre Cesar, dentista especializado em Implantodontia e Dentística Restauradora.

1. Clareamento dental deixa os dentes sensíveis?

“Às vezes, nem sempre! O gel clareador penetra no dente, e dependendo do dente do paciente, isso pode causar sensibilidade”, conta o especialista. Por isso não dá pra ir sempre pela experiência do outro: a mesma concentração, pode causar sensibilidade em um paciente e em outro não.

2. Cremes dentais funcionam como clareadores?

Cesar é categórico: “Os cremes possuem abrasivos que removem as manchas superficiais, e também possuem em sua composição produtos clareadores. Embora as propagandas digam que o creme clareia, não é o que vemos na prática”. Então, sim, os cremes dentais da propaganda têm algum efeito no dente, mas seus dentes não ficam iguais ao da propaganda, ok?

Leia também: Saiba como escolher a escova de dente e realizar a limpeza bucal corretamente

3. Clareamento enfraquece o dente?

O gel clareador utilizado nos processos de clareamento dental só deixa os dentes tão branquinhos por meio de uma reação química. “É como o gel funciona! Alguns produtos são tão fortes, que microscopicamente mudam a superfície do esmalte, mas é algo tão pequeno que não significa um ‘enfraquecimento’ ”, diz o especialista.

4. Durante o clareamento dental não pode ingerir bebidas e alimentos com corantes?

É. Você vai ter que abandonar aquele cafezinho matinal por um tempo. Café, mate, chá, molho shoyu, refrigerantes, tudo que conter coloração forte são alimentos que devem ser evitados durante o clareamento dentário.

5. Clareamentos caseiros não funcionam?

“O clareamento caseiro é uma técnica onde o paciente leva uma moldeira pra casa e põe o gel dentro desta moldeira, aplicando-a nos dentes. É uma técnica muito boa e funciona muito bem”, garante Cesar.

6. Tenho dentes de porcelana. Posso fazer um clareamento dental?

Infelizmente, não. “Pessoas que tenham por exemplo dentes de cerâmica (porcelana), restaurações, defeitos de formação do esmalte, não vão obter um resultado positivo após o clareamento”, afirma Dr. Alexandre.

7. Receitas caseiras como bicarbonato de sódio, limão, água oxigenada e casca de laranja clareiam os dentes?

“Esses produtos, de alguma forma, ajudam a remover as manchas superficiais, e dão a impressão de ter clareado. O bicarbonato, por exemplo, remove as manchas por ser abrasivo, mas se usado com frequência, desgasta a superfície do esmalte”, diz Cesar.

Tem que ser com cuidado: essas receitas não fazem uma remoção interna dos pigmentos como faz o gel que o dentista usa, e podem ser nocivas ao esmalte dental e as gengivas.

Leia também: Homem descobre câncer bucal gerado por procedimento feito em clínica clandestina

8. Clareamento provoca câncer?

NÃO. Pode fazer tranquilo, clareamento dental não provoca câncer.