Enfermeiro preparando dose de vacina para ser aplicada
shutterstock
Ministério da Saúde anunciou parceria nesta sábado (27) para produzir vacina no Brasil

Um laboratário do Grupo Nacional Biotec da China (CNBG) em Pequim informou que teve resultados positivos nos primeiros testes realizados em seres humanos de uma vacina contra a Covid-19 . O comunicado foi feito neste domingo (28) pela unidade, no qual ela diz que há indícios fortes de que o imunizante seja seguro e eficaz.

Ainda de acordo com o anúncio, as fases 1 e 2 do ensaio clínico dessa vacina produziu anticorpos de alto nível nas 1.120 pessoas saudáveis inoculadas. Para que as doses comecem a ser produzidas e distribuídas em larga escala, agora a vacina só precisa passar por mais uma fase de testes.

As informações foram reveladas em uma publicação do CNBG na plataforma de mídia social WeChat. O comunicado, no entanto, não revelar com mais detalhes dados específicos da vacina. Desde o início da pandemia do novo coronavírus (Sars-CoV-2), empresas e pequisadores chineses receberam permissão para testar oito candidatas à vacina em humanos tanto nacionalmente quanto no exterior.

Até às 12h deste domingo, Pequim já havia coletado 8,29 milhões de amostras de pacientes e completado 7,69 milhões de testes, disse o funcionário do comitê municipal de Pequim Zhang Qiang em entrevista coletiva.

"Isso significa que já testamos todas as pessoas que precisam ser testadas. Também estamos implementando triagens em larga escala para certas regiões e populações-chave (da cidade) e melhoramos nossa capacidade de testagem", afirmou Zhang.

Pequim registrou seu primeiro caso do surto no mercado de Xinfadi no dia 11 de junho. Desde então, 311 pessoas na cidade de mais de 20 milhões de habitantes testaram positivo para o novo coronavírus. Segundo Zhang, os testes estão sendo realizados em lotes e incluem trabalhadores do mercado e moradores dos bairros vizinhos.

    Veja Também

      Mostrar mais