pessoa com roupa impermeável
Foto: Bernardo Portella / Divulgação
Estado de Minas Gerais tem avanço da pandemia há semanas


O estado de Minas Gerais atingiu recorde de mortes em 24 horas pelo segundo dia seguido. O estado tem, até esta quarta-feira (5), 3.195 óbitos causados pela Covid-19 , sendo que 152 são novas vítimas fatais.


O estado também registrou 3.933 novos casos de novo coronavírus hoje. O total é de 139.661. Com estes números, Minas Gerais é o sexto no Brasil com maior número de incidências do vírus.

A Secretaria Estadual de Saúde de Minas Gerais indicou em seu informe epidemiológico que existem 120 mortes sendo investigadas.

A ocupação de leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) estava em 66% em todo estado na manhã de hoje, enquanto 57% dos de enfermaria estão com pacientes. Cerca de 95% de todo estado está contaminado.

Dos 853 municípios mineiros, 815 já tiveram ao menos um paciente infectado com a Covid-19 . Isso representa mais de 95% do total de cidades no estado.

Mudanças no informe epidemiológico

Segundo o secretário de Saúde de Minas Gerais, Carlos Eduardo Amaral, o informe epidemiológico do estado passa por mudanças. Por esse motivo, as mortes deixarão de ser divulgadas. Ele afirma que a base de dados está sendo checadas para evitar números duplicados.

Amaral afirmou, em entrevista exclusiva à TV Globo, que o óbito pode não ter acontecido na sua data de registro. O registro corresponde ao dia em que a secretaria foi notificada sobre o determinado óbito pelo município.

“O que estamos fazendo neste momento, como estamos mudando de plataforma, nossa equipe está vendo se não tem óbitos em duplicidade nem óbitos faltando. Durante esta semana, vamos fazer esse ajuste. Aceleramos a notificação e o que estava represado há dez dias vai ser divulgado agora", explicou o secretário.

    Veja Também

      Mostrar mais