Argentina
Pixabay
Região Metropolitana de Buenos Aires segue sendo o principal foco da pandemia no país

Nesta terça-feira (11), o boletim epidemiológico divulgado pelas autoridade de saúde da Argentina mostrou que o país ultrapassou a Itália no número total de casos confirmados da Covid-19, além de ter atingido a marca de 5 mil mortes causadas pelo novo coronavírus (Sars-Cov-2).

Segundo informações da agência de notícias Reuters, foram registrados 7.043 novos infectados pela Covid-19 nas últimas 24h, o que elevou o total para 260.911. Com isso, a Argentina subiu para a 16ª posição no ranking dos países mais afetados pelo vírus, uma posição acima da Itália, que tem 251.237 casos.

Além disso, foram 184 novas mortes confirmadas, deixando o total de vítimas em 5.004. Neste quesito, o país aparece no 25° lugar, distante dos líderes EUA e Brasil , que já ultrapassaram a barreira dos 100 mil óbitos.

Em quarentena rígida desde o mês de março, principalmente na região da Grande Buenos Aires - onde a maioria dos casos se concentra -, as autoridades enfrentam aumento nos números da doença desde o início das tentativas de reabertura da economia e do relaxamento das medidas de isolamento social.

No início da semana, a Organização Mundial de Saúde ( OMS ) aponto que a região das Américas é ums dos principais motivos de preocupação da entidade devido ao aumento no número de casos da Covid-19 . Ao todo, o continente tem sido responsável por cerca de 100 mil infecções diárias .

    Veja Também

      Mostrar mais