Doria
Governo do Estado de São Paulo/Divulgação
Em coletiva nesta sexta-feira, governador exaltou medidas tomadas para combater o vírus

Nesta sexta-feira (28), durante a coletiva de imprensa realizada no Palácio dos Bandeirantes para falar sobre o combate ao novo coronavírus, o governador João Doria (PSDB-SP) afirmou que o estado de São Paulo já passou pela pior fase da  pandemia da Covid-19 e que, segundo o boletim epidemiológico, a "descida do platô" já começou.

"Essa é a mensagem mais importante, a mensagem da esperança. Superamos o pior momento, amparados nos números da saúde. Esta é uma afirmação, não uma suposição. Os números desta semana indicam queda de casos e óbitos, e é bem provável que o quadro mais crítico tenha sido superado", afirmou Doria .

Na sequência, o governador exaltou as medidas de segurança e saúde tomadas tanto pelo governo do estado como pela prefeitura da capital, sob o comando de Bruno Covas (PSDB-SP), responsáveis pela "manutenção de vidas".

"Estamos falando em vidas que estão sendo poupadas todos os dias em São Paulo . Esses indicadores são a maior prova da eficiência das medidas sanitárias, de higiene e obrigatoriedade do uso de máscaras que a prefeitura e o governo do estado determinaram, muito antes de outras cidades, mesmo do exterior", apontou.

Ele voltou a apontar a importância do trabalho realizado em conjunto com as prefeituras do estado, principalmente a da capital paulista: "planejamento, integração, diálogo e respeito pela saúde e pela ciência . Assim foi concebido o Plano São Paulo , elogiado dentro e fora do Brasil pela forma consciente e cuidadosa em que realiza a retomada das atividades". 

Por fim, o governador disse que o momento agora é de combater também os efeitos do vírus, principalmente na economia, e voltou a atacar quem faz "populismo com o vírus" ou tenta transformar a pandemia em um "processo eleitoral ou de natureza ideológica". 

    Veja Também

      Mostrar mais