Cemitério Nossa Senhora Aparecida, em Manaus
Sandro Pereira/Fotoarena/Agência O Globo
Cemitério Nossa Senhora Aparecida, em Manaus


O estado do Amazonas registrou nos primeiros trinta dias de 2021 mais  mortes do que o total de óbitos nos últimos sete meses de 2020. Entre junho e dezembro do ano passado foram registradas 1.586 mortes por covid-19, só em janeiro deste ano foram 1.592 óbitos.

O número de mortes do primeiro mês do ano ainda pode subir porque levam até levam até 15 dias para serem incluídos no Portal da Transparência da Arpen Brasil (Associação de Registradores de Pessoas Naturais).


No sábado (31), foi registrado o recorde de mortes no estado. Ao todoo 225 morreram em decorrência da doença no período de 24 horas. A Secretaria de Saúde do Amazonas também prevê aumento no número de casos.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários