Cemitério Nossa Senhora Aparecida, em Manaus
Sandro Pereira/Fotoarena/Agência O Globo
Cemitério Nossa Senhora Aparecida, em Manaus

O Amazonas já supera todos os países do mundo com mais de 100 mil habitantes em taxa de moratlidade por Covid-19 . Vivendo uma explosão de mortes, o estado enfreta colapso na rede de saúde.

Com uma nova variante do novo coronavírus (Sars-Cov-2) e sem estrutura para tratar todos os pacientes, o Amazonas soma 9.753 mortes por Covid-19. Só neste ano, 4.458 pessoas morreram da doença. Os números atingem uma marca de 235 óbitos a cada 100 mil habitantes, valor mais alto que de países líderes em mortes por Covid-19.

De acordo com o painel mundial de casos, o país com maior mortalidade por Covid-19 é a Bélgica . Por lá, 21.551 mortes foram registradas, criando uma proporção de 185 mortos a cada 100 mil habitantes. Isso coloca o Amazonas a frente de todos os países analisados. Veja as taxas de mortalidade por Covid-19 a cada 100 mil habitantes:

  • Amazonas: 235
  • Bélgica: 185
  • Eslovênia: 177
  • Reino Unido: 171

Hoje, a mortalidade brasileira por Covid-19 é de 113, deixando o país entre os 30 com maior taxa. Dentre os estados do Brasil, o Rio de Janeiro aparece logo atrás do Amazonas , com 181 mortos por Covid-19 a cada 100 mil habitantes. Em seguida, vem Roraima , com taxa de 159.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários