Hospital Albert Einstein
Reprodução / Hospital Albert Einstein
Hospital Albert Einstein

Nesta sexta-feira (26), em São Paulo , o Hospital Albert Einstein anunciou que chegou em sua ocupação máxima , com cerca de 104% de lotação, os pacientes agora deverão esperar atendimento por uma fila de espera. As informações foram apuradas pela Folha de São Paulo. 

O alto índice de procura acontece devido ao aumento de internações pela covid-19 , porém, há pacientes que buscam o hospital procurando tratamentos para outras enfermidades. O hospital aguarda que os paciente presentes na lista de espera sejam atendidos logo, pois com a alta de outros pacientes e o reorganização de leitos em sua unidade, poderá abrir espaços para atendimentos futuros. 

Na quinta-feira (25), o Einstein teve um recordo de internações por causa do novo coronavírus. Tiveram cerca de 70 pacientes em busca do pronto atendimento e 26 estavam infectados pelos vírus. Até o momento, nunca havia sido registrado um número grande de internações em um dia, nem mesmo no ápice da pandemia em 2020. 

No dia 19 de janeiro, registrou seu recorde de internações pelo vírus , com aproximadamente 155 internações devido as festas de fim de ano. Com o passar dos dias a procura por leitos abaixou e passou a circular em torno de 125 até a semana passada.

Porém, agora gira em torno de 141 doentes em busca de tratamento. E acredita-se que os números voltaram a crescer pelo feriado de Carnaval. 

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários