Prefeitura de SP anuncia novo protocolo para pacientes com Covid-19 na cidade
Reprodução
Prefeitura de SP anuncia novo protocolo para pacientes com Covid-19 na cidade

Um estudo realizado pela Prefeitura de São Paulo e pela Universidade de São Paulo (USP), divulgado nesta sexta-feira (26), apontou que  a variante brasileira da Covid-19, conhecida como variante de Manaus, atinge 64% dos infectados da capital paulista.

Por conta disso e do número de casos e internações na cidade, a gestão municipal mudou os protocolos de manejo clínico dos pacientes com Covid-19 na cidade.

Agora, a equipe da Prefeitura deve notificar ao E-SUS os casos de pacientes com sintomas. Os exames devem ser solicitados no 3º dia de sintomas e deve ocorrer o monitoramento diário do paciente por telefone até o 14º dia da doença.

O paciente também deve retornar à UBS no 6º dia de sintomas (ou antes, se houver piora) e repetir os exames. Se o paciente for grupo de risco e/ou tiver comorbidades, os exames devem ser repetidos no 10º dia também. Caso o paciente não tenha retornado, a equipe deve fazer uma visita domiciliar ou entrar em contato pelo telefone.

Caso o paciente retorne com piora no quadro e for do grupo de risco, ele deve ser encaminhado para a Rede de Urgência da Região. Caso o paciente retorne quadro estável e mantiver bons exames, deve ser receitado a ele a medicação e deve ser feito o acompanhamento por teleconsulta todos os dias, até a alta no 14º dia.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários