Joice Hasselmann teve fraturas pelo corpo durante a madrugada, mas não se lembra de nada
Reprodução: iG Minas Gerais
Joice Hasselmann teve fraturas pelo corpo durante a madrugada, mas não se lembra de nada


Segundo investigações da Polícia Civil,  a deputada federal Joice Hasselmann (PSL) sofreu uma queda e se feriu possivelmente por causa dos efeitos do medicamento Stilnox, utilizado para induzir o sono. Também conhecido como Zolpidem, nome de seu princípio ativo, o fármaco vem causando preocupação por parte daqueles pacientes que o utilizam para driblar a insônia.

Em entrevistas, Joice disse que a última lembrança que tem é de um sábado à noite quando estava em sua cama no apartamento em que vive, em Brasília, assistindo televisão, quando tomou seu "remedinho para dormir". Assim que retomou os sentidos, a  parlamentar disse ter acordado em meio a uma poça de sangue no chão de seu closet.

O medicamento é receitado no tratamento da insônia ocasional, transitória ou crônica. O indicado, segundo a bula, é tomá-lo logo antes de se deitar para dormir.

Entre os efeitos colaterais mais comuns, estão a sonolência, dor de cabeça, tontura, insônia exacerbada e amnésia anterógrada, que é o esquecimento de eventos por um determinado período de tempo. A bula cita a queda, principalmente entre idosos, como um efeito colateral de "caso isolado".

Você viu?

Alucinações e sonambulismo também são efeitos citados pela psiquiatra Jaqueline Bifano, que afirma que o medicamento não deve ser prescrito para qualquer paciente. Apesar disso, sendo utilizado de forma correta, a médica afirma que ele é seguro. 

"O uso é seguro se respeitado a forma de usar: so usar quando estiver já deitado para dormir e não levantar após o uso", complementa o psiquiatra Fabricio Lins Medeiros. 

Sobre o caso de Joice em específico, Bifano considera que a amnésia e a queda podem estar associadas ao Zolpidem. Isso porque, além do esquecimento, o fármaco também pode causar hipotensão postural, que é uma queda da pressão arterial que ocorre ao levantar-se da posição sentada ou deitada.

"Para que isso não ocorra, pedimos que a pessoa tome o medicamento, apague a luz e deite", finaliza Bifano.

No mês passado,  Joice disse acreditar ter sofrido um atentado durante a madrugada em seu próprio apartamento. Segundo investigações, a parlamentar não foi agredida,  mas sim teria sofrido uma "queda da própria altura" após ingerir medicamentos.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários