Menino de 7 anos morre ao ser infectado por ameba 'comedora de cérebro'; entenda
Reprodução GoFundMe
Menino de 7 anos morre ao ser infectado por ameba 'comedora de cérebro'; entenda

Um menino de 7 anos morreu após ser infectado por uma  ameba 'comedora de cérebro' nos Estados Unidos. David Pruitt foi contaminado após nadar em um lago de água doce durante um passeio com a família no condado de Tehama, no norte da Califórnia.

A tia do garoto, Crystal Hayley, disse que ele foi diagnosticado com meningoencefalite amebiana primária (PAM), uma infecção rara e devastadora do cérebro. “Estamos tristes e com o coração partido ao informar que nosso doce e pequeno David faleceu”, escreveu Hayley", escreveu Hayley, na página criada no site GoFundMe.

Em um comunicado, autoridades informaram que “as pessoas são infectadas quando a água que contém a ameba sobe com força pelo nariz. Do nariz, a ameba às vezes pode migrar para o cérebro e destruir o tecido cerebral.” explicou a Tehama County Health Services Agency.

A infecção é causada pelo protozoário Naegleria fowleri. Segundo as autoridades locais, apenas 10 casos da doença foram relatados no estado desde o início dos anos 1970

No estágio inicial da infecção, os sintomas podem incluir forte dor de cabeça, febre, náuseas e vômitos, de acordo com os Centros de Controle e Prevenção de Doenças dos Estados Unidos. À medida que a infecção piora, os sintomas - que aparecem de um a nove dias após a exposição à ameba - podem evoluir para rigidez do pescoço, convulsões ou alucinações.

David foi levado às pressas para o pronto-socorro em 30 de julho e, em seguida, levado para o UC Davis Medical Center, disse Hayley, onde foi colocado em um aparelho de suporte vital com grave inchaço cerebral. Ele morreu oito dias depois.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários