Vacina AstraZeneca produzida pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz)
Reprodução: Agência Brasil
Vacina AstraZeneca produzida pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz)

A Anvisa recebeu hoje o pedido da Astrazeneca para autorização de aplicação da dose de reforço com o imunizante produzido pela farmacêutica.

Em nota, a agência informou que o pedido "envolve a avaliação da segurança e de eficácia para aplicação de uma terceira dose da vacina". Atualmente, a bula prevê duas doses para imunização completa.

A terceira dose seria aplicada ao menos seis meses após o individuo completar a vacinação com a dose 2. "A proposta envolve todas as faixas etárias atualmente incluídas na bula, ou seja, pessoas com 18 anos de idade ou mais", diz o texto.

Ontem, o Ministério da Saúde anunciou que todos os brasileiros com mais de 18 anos poderiam se vacinar pela terceira vez. Até então, a indicação era apenas para idosos com mais de 60 anos profissionais da saúde ou imunossuprimidos.

O estudo clínico que embasa o pedido foi aprovado pela em 19 de julho deste ano. A agência terá 30 dias para analisá-lo, desde que não haja necessidade de esclarecimentos adicionais.

A vacina da Astrazeneca está registrada no Brasil desde 12 de março de 2021.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários