A Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) já autorizou a vacinação de crianças de 5 a 11 anos e 16 de dezembro
Reprodução: ACidade ON
A Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) já autorizou a vacinação de crianças de 5 a 11 anos e 16 de dezembro

Ao seguir o posicionamento do Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass), ao menos 13 estados e mais o Distrito Federal não vão exigir pedido médico para vacinar crianças entre 5 e 11 anos contra Covid-19. São eles: Acre, Bahia, Ceará, Distrito Federal, Espírito Santo, Goiás, Maranhão, Mato Grosso do Sul, Paraíba, Pará, Paraná, Pernambuco, Santa Catarina e São Paulo.

Em carta aberta do presidente do Conass , Carlos Eduardo Oliveira Lula, a decisão foi divulgada ontem (24). Trata-se de uma medida que vai contra à recomendação do ministro da Saúde , Marcelo Queiroga, que para vacinação de crianças entre 5 e 11 anos deve haver prescrição médica e assinatura de termo de consentimento pelos pais.

Além disso, o Ministério de Saúde anunciou a realização de uma consulta pública para ouvir a sociedade a respeito da imunização desse público. E não adotou para iniciar a aplicação da vacina em crianças dessa faixa etária até momento.

Vale lembrar que a imunização para crianças entre 5 e 11 anos com a vacina da Pfizer já foi autorizada em 16 de dezembro pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) órgão de estado responsável pela palavra final em relação à liberação de vacinas.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários