O transporte aéreo é a maneira mais eficaz de garantir o transporte rápido dos cilindros de oxigênio
Ministério da Saúde/Divulgação
O transporte aéreo é a maneira mais eficaz de garantir o transporte rápido dos cilindros de oxigênio

O Ministério da Saúde e o governo do Amazonas receberam a oferta de aeronaves que auxiliariam no transporte de cilindros de oxigênio para reduzir danos do colapso do sistema de saúde na região. De acordo com o portal Uol, porém, a autorização para utilizar os três aviões em solo brasileiro segue sob análise do governo federal.

O sistema de saúde do Amazonas está em colapso desde o dia 14 de janeiro, quando a morte de pacientes por falta de oxigênio chamou atenção em todo o mundo. Segundo o portal, as aeronaves foram oferecidas ao Brasil no dia 16 e 18 de janeiro, poucos dias após o agravamento da crise.

De acordo com o Ministério da Saúde, que considera as dificuldades do transporte por terra entre Manaus e os demais estados brasileiros, o abastecimento por transporte aéreo seria a solução mais rápida para salvar vidas.

Ainda segundo a assessoria de comunicação da pasta em resposta ao Uol, porém, "a proposta está em análise no departamento de logística devido às peculiaridades técnicas". A nota não especifica as peculiaridades ou o prazo para autorização das aeronaves. 

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários