Ainda não há informações, porém, se morte foi causada por reinfecção
Reprodução: iG Minas Gerais
Ainda não há informações, porém, se morte foi causada por reinfecção

A morte de um farmacêutico de 44 anos, em Sergipe, foi apontada como o primeiro caso confirmado de morte após Covid-19 recorrente no Brasil. O caso foi documentado após um estudo publicado no periódico Journal of Infection. Ainda não se sabe se trata-se de um reinfecção ou de Covid recidiva, quando a mesma infecção volta a atacar o corpo.

O estudo foi realizado por pesquisadores da Universidade Federal de Sergipe em parceria com outras oito intituições. Além da análise do óbito, o artigo traz o relato de 32 casos recorrência da doença, cujo primeiro caso oficial no Brasil foi confirmado no Rio Grando do Norte, em outubro de 2020.

O paciente que morreu teve o primeiro teste do tipo RT-PCR positivo em maio de 2020. A infecção o atingiu de forma leve da primeira vez, não necessitando internação. Um mês depois, o homem voltou a apresentar sintomas, realizando um segundo teste PCR positivo. Dessa vez, porém, necessitou internação e foi a óbito no dia 2 de julho.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários