Ajuda se dará por meio de doações ou apoio à produção local
André Biernath - Da BBC News Brasil em São Paulo
Ajuda se dará por meio de doações ou apoio à produção local

Nesta segunda-feira (29), o presidente chinês Xi Jinping prometeu um bilhão de doses da vacina anticovid para a África, em forma de doações ou de apoio à produção local.

"No marco do combate à covid, a China vai fornecer para a África um bilhão de doses de vacinas adicionais, das quais 600 milhões serão em forma de doações e 400 milhões em outras formas, como a criação de unidades de produção de vacinas", disse em um discurso em vídeo no Fórum de Cooperação China-África (FOCAC).

A conferência ocorre em um contexto em que os países africanos tentam reativar suas economias duramente afetadas pela pandemia. Para conseguir, buscam reforçar a cooperação com a China, primeiro aliado comercial do continente.

A África está muito atrasada na vacinação contra a covid-19 da população. Entre os 50 países, apenas 6,6% da população está totalmente imunizada e 9,8% tomaram ao menos uma dose, segundo o Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC) da África.

"Temos que continuar a luta solidária contra a covid. Devemos priorizar a proteção das nossas populações e acabar com a brecha da vacinação", disse o presidente chinês.

Drop here!

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários