IstoÉ

Um professor britânico diagnosticado com coronavírus na China afirmou, em entrevista ao jornal The Sun, que se curou do vírus tomando uísque quente e mel. Connor Reed, de 25 anos, mora no país asiático há três anos.

Leia mais: Coronavírus: médicos apontam possibilidade de transmissão de mãe para feto

A doença respiratória causada pelo coronavírus já atinge 13 países em quatro continentes
shutterstock
A doença respiratória causada pelo coronavírus já atinge 13 países em quatro continentes


Segundo o professor, ele foi ao hospital devido a uma forte tosse e por não conseguir respirar. O britânico ficou internado durante duas semanas. “‘Fiquei surpreso quando os médicos me disseram que eu estava com coronavírus. Pensei que ia morrer, mas consegui vencê-lo”, contou.

“Usei um inalador para controlar a tosse e tomei uísque quente e mel . É um remédio antiquado, mas parecia funcionar”, explicou Connor. O jovem ainda afirmou que se recusou a tomar antibióticos.

Leia mais: Proteção contra coronavírus: máscaras cirúrgicas são a melhor escolha?

O professor também disse que não aceitou a proposta do Reino Unido para voltar ao país em um avião fretado pelo governo. “Eu sou a prova de que o coronavírus pode ser vencido”, afirmou.

O britânico também comentou sobre a situação na cidade de Wuhan , epicentro da epidemia. Ele se mudou para a região no ano passado para dar aulas de inglês e relata que o lugar se transformou em uma “cidade fantasma”.

Leia mais: Coronavírus preocupa? Em 2019, gripes mataram duas pessoas por dia no Brasil

“Saí do trabalho e o chefe acha que vamos reabrir em algumas semanas, mas não tenho tanta certeza”, afirmou Connor.

    Veja Também

      Mostrar mais