mãos enluvadas espremem pano em bacia de água
shutterstock
Tirar os sapatos antes de entrar em casa e higienizar alimentos são hábitos que precisam existir fora de tempos de pandemia, alerta infectologista


Depois que a pandemia do novo coronavírus começou, os hábitos de higiene mudaram. Com o cuidado redobrado, compras do supermercado e a embalagem de  comida do delivery são higienizadas; e os sapatos passaram a ficar do lado de fora. Além da Covid-19, essas medidas podem ajudar a prevenir outras doenças.

Leia também

No mundo de antes, com a correria das rotinas normalizadas, essas coisas nem eram cogitadas. No entanto, a infectologista Fabianne Carlesse, que trabalha no Hospital do GRAACC (Grupo de Apoio ao Adolescente e à Criança com Câncer), lembra que esses hábitos não são novos.

“Todo mundo sabe que precisa lavar a mão antes de comer e depois que chega da rua. Mas ninguém tinha tanta preocupação”, explica. O mesmo vale para hábitos que sempre existiram, como o retirar o sapato ou limpar as solas antes de entrar em casa, mas que não eram tão incentivados.

Hábitos novos mesmo, segundo ela, são o que ela chama de “manta para proteção da Covid-19”: o uso de máscaras , o distanciamento social e a higienização frequente. “As outras coisas, como a higienização do ambiente , acabam virando um desdobramento”, diz.

Ao adotar as medidas de prevenção do novo coronavírus (Sars-CoV-2), outras doenças virais ou bactericidas também podem ser combatidas. Veja quais.

Influenza

A Influenza, um dos vírus respiratórios mais comuns, é a causadora da gripe . É transmitida por gotículas e contato com superfícies. O uso de máscara e a higienização das mãos previne que a gripe comum infectar o organismo.

Adenovírus

É o vírus causador do resfriado comum. É também responsável por causar conjuntivite, bronquite, pneumonia e crupe. Pode ser transmitida por via fecal-oral.

Vírus Sincicial Respiratório (VSR)

A higienização frequente pode ajudar no combate ao vírus sincicial respiratório, que é comum nas áreas da pediatria e geriatria . É a maior causa de internação hospitalar de crianças pequenas. Causa infecção aguda de vias aéreas e afeta pulmões e brônquios.

Infecção Gastrointestinal

A higienização reforçada de alimentos e das mãos também pode prevenir doenças do trato gastrointestinais, como diarreia . Isso porque a atenção redobrada com alimentos pode evitar que o organismo seja contaminado. O ato de colocar menos a mão na boca também evita que bactérias sejam transmitidas via oral.

    Veja Também

      Mostrar mais