Vanuzia, primeira indígena vacinada contra Covid-19
Divulgação
Vanuzia, primeira indígena vacinada contra Covid-19

Vanuzia Costa Santos, de 50 anos, moradora da aldeia multiética Filhos dessa Terra, localizada no bairro Cabuçu Guarulhos, é a primeira indígena do Brasil a se vacinar contra a Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus (Sars-coV-2) .

"Fiquei muito feliz de participar deste momento. Sou defensora da vida, de outras vacinas, da prevenção, saúde. Devemos valorizar a educação, a ciência, e isso pode ser conciliado com uma crença, com as rezas e a medicina tradicional do meu povo", disse Vanuzia.

A voluntária teve Covid-19 e sentiu sintomas severos em 10 de maio de 2020. Solteira, com um filho de 24 anos, ele definiu como "sofrimento" o que passou.

"Não fui para o hospital porque ajudava a cuidar de outras seis pessoas, precisava ter força para dar uma palavra de conforto e cuidar deles, sem me abater. Tinha um oxímetro mas não media minha respiração para não me apavorar. Fiz o teste em 15 de junho e já estava curada", continuou.

Técnica de Enfermagem e Assistente Social, ela também é Presidente do Conselho do Povo Kaimbé. Nascida em Euclides da Cunha, na Bahia, ela veio para o Estado de São Paulo em 1988 para trabalhar e crescer na carreira.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários