Falha em máquina da Fiocruz atrasa lote de vacinas
O Antagonista
Falha em máquina da Fiocruz atrasa lote de vacinas

atraso na entrega de doses da vacina de Oxford/AstraZeneca envasadas pela Fiocruz “se deve a uma falha técnica dentro dos laboratórios do instituto” , diz O Globo.

“Uma máquina reservada para o processamento do produto teve desempenho aquém dos parâmetros exigidos.”

Você viu?

Mas não foi só isso:

“No dia 6 de fevereiro, Bio-Manguinhos recebeu, com atraso de mais de um mês devido a problemas com a liberação do produto na China, o primeiro dos lotes do ingrediente farmacêutico ativo (IFA) da vacina. Esse primeiro lote continha 90 litros do IFA. De acordo com a fundação, a quantidade seria insuficiente para a produção das 7,5 milhões de doses previstas inicialmente, para as quais seriam necessários 225 litros. Com os 90 litros, seria possível, no entanto, produzir 2,8 milhões de doses para serem distribuídos neste mês, garantindo a entrega dos lotes de validação à Anvisa , o que deveria ter sido feito no dia 18 de fevereiro.”

Leia mais em O Antagonista

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários