Maria Van Kerkhove
Divulgação/Christopher Black/OMS
Maria Van Kerkhove


A diretora técnica da OMS (Organização Mundial da Saúde), Maria van Kerkhove, alertou, nesta segunda-feira (19), que o mundo ainda deve se preocupar com a pandemia e que o fim dela pode estar cada vez mais longe. Kerkhove disse que, nos últimos sete dias, houve um aumento de 11,5% no número de novos casos da Covid-19 e de 1% no número de óbitos.

A América foi responsável por um dos menores índices, com 0,5% de aumento nos novos casos e queda de 5% nas mortes. Mesmo assim, não há o que comemorar, segundo a diretora da OMS. "Foram quase 1 milhão de novos casos nas Américas e 22 mil mortes. Portanto, ainda estamos longe do fim", afirma.

Já o diretor de emergências da OMS, Michael Ryan, foi honesto ao dizer que ainda não se sabe quando tudo isso vai acabar. "O que sabemos é que, se fizermos as coisas certas, vamos terminar com a pandemia mais cedo", afirmou.

Apesar de as vacinas serem uma ferramenta essencial, outras armas devem ser usadas contra o novo coronavírus. Por isso, os mesmos cuidados pregados no início de 2020 ainda ainda valem: distanciamento social, higiene das mãos, uso de máscara e ventilação dos ambientes.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários