EUA vão aprovar 3ª dose de vacina para idosos em asilos e profissionais de saúde
Tânia Rêgo/Agência Brasil
EUA vão aprovar 3ª dose de vacina para idosos em asilos e profissionais de saúde

O governo dos Estados Unidos decidiu que a maioria dos americanos deve receber a  3ª dose da vacina contra a Covid-19 depois de oito meses após a 2ª dose. Segundo funcionários do governo, já em meados de setembro, as doses vão começar a serem aplicadas primeiro em idosos em asilos e profissionais de saúde. As autoridades planejam anunciar a decisão ainda esta semana.

O objetivo da 3ª dose é conter o avanço da variante Delta da Covid-19.  A nova política vai depender da autorização do Food and Drug Administration (FDA), a agência sanitária americana.

As autoridades disseram ainda esperar que os vacinados com o imunizante Janssen, de dose única, também precisem de uma dose adicional. 

Segundo a projeção, após os idosos em asilos e profissionais da saúde serem vacinados, o calendário passaria para idosos em geral — que também foram os primeiros a se vacinar no final do ano passado —, e depois pela população em geral.

Até o momento, está descartada a ideia de misturar imunizantes, ou seja, quem tomou as doses da Pfizer, por exemplo, deverá receber a 3ª da própria Pfizer.

As autoridades de saúde federais estão particularmente preocupadas com os dados de Israel sugerindo que a proteção da vacina Pfizer contra doenças graves caiu para os idosos que tomaram sua 2ª dose em janeiro ou fevereiro.

A decisão foi tomada em um momento em que o governo luta para recuperar o controle da pandemia. O presidente Biden declarou a nação reaberta para a vida normal para o feriado de 4 de julho, mas a propagação da variante Delta impediu que isso acontecesse.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários