Vacina Covid-19
Ascom/SMS
Vacina Covid-19

Pessoas não vacinadas ou com apenas uma dose têm 78% mais risco de serem internadas com Covid-19 do que os vacinados com as duas doses, informa a Secretaria de Estado de Saúde do Rio de Janeiro (SES). O dado se baseia internações registadas pela pasta entre os dias 1º e 27 de janeiro.

Entre aqueles que estão com duas doses da vacina, a taxa de incidência de hospitalizações foi de 8,9 casos entre 100 mil habitantes. Já entre os que têm uma dose ou nenhuma, a taxa é de 15,9, quase o dobro.

O efeito da vacina também se reflete no número de internações em Unidades de Terapia Intensiva (UTI). Entre aqueles que não estão vacinados ou têm apenas uma dose, a incidência de hospitalizações em UTI é de 4,3 para cada 100 mil habitantes. Já para quem tem duas doses da vacina, a taxa de 7,3 ocorrências para cada 100 mil pessoas. Uma diferença de 70%.

No período de referência, a SES contabilizou 1.826 internações por Covid-19 em unidades federais, estaduais, municipais e privadas. Do total de hospitalizações, 859 demandaram terapia intensiva.

Leia Também

"Com base nestes dados, é possível afirmar que a vacinação é fundamental para evitar os casos graves e internações por Covid-19", diz a pasta.

Dados oficiais divulgados nas últimas semanas vêm mostrando que o número de casos graves e de mortes por Covid-19 é inversamente proporcional à quantidade de doses da vacina aplicadas em determinado grupo.

Na capital, idosos com apenas uma dose da vacina ou sem qualquer dose registraram, entre dezembro e janeiro, 17 vezes mais internações e 27 vezes mais óbitos por Covid-19 do que os idosos com dose de reforço, de acordo com a Secretaria municipal de Saúde (SMS). Entre as pessoas 12 a 59 anos que já têm a dose de reforço, não houve notificação de morte pela doença nesse período.

A SES não divulgou a taxa de incidência de internações por Covid-19 entre aqueles que receberam a dose de reforço pois, segundo a pasta, o formulário de preenchimento da fonte dos dados, o Sistema de Vigilância Epidemiológica da Gripe (Sivep-Gripe), não dispõe deste campo de notificação.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários