doria
Reprodução/Governo de SP
Início dos testes da Coronavac ocorreu nesta terça-feira

Membros do Insituto Butantan, do centro de contingência da Covid-19 no estado, além do governador de São Paulo, João Doria, participaram esta manhã de uma coletiva de imprensa no Hospital das Clínicas para apresentar o início dos testes da vacina contra o novo coronavírus (Sars-CoV-2) desenvolvida pelo Instituto e pela chinesa Sinovac.

"Trata-se de um orgulho para São Paulo e para o Brasil. 20 mil doses desta vacina chegaram ontem a São Paulo e essas vacinas começam a ser aplicadas a partir de hoje", explicou o governador .

Além disso, o diretor do Instituto Butantan e membro do centro de contingência da Covid-19, Dimas Covas, destacou que "o Brasil pode ser o primeiro país a usar a vacina em escala" e ressaltou o otimismo diante dos testes. 

A vacina, que recebeu o apelido de Coronavac , é um dos projetos mais avançados do mundo e está em sua terceira fase de testes. A partir de hoje, nove mil voluntários receberão doses do medicamento preventivo ou de susbstâncias placebo para observação.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários