Tamanho do texto

Da lagosta ao leite, alimentos têm tipo em comum de proteína que o organismo dos alérgicos desconhece e reage a ela

Pode ser camarão, pode ser amendoim. Quem tem alergia sabe como é. Basta comer um teco do "alimento proibido" que o organismo reage. A alergia é sempre causada por uma resposta imunológica errada que o corpo dá. No caso dos alimentos, o sistema imunológico (aquele que defende o corpo) reage contra um tipo de proteína contida em determinada comida. 

A alergologista e imunologista Ana Paula Castro, do Hospital Sírio Libanês, explica que os alimentos campeões em causar alergia têm um tipo de proteína em comum que não é destruída na digestão. Como o sistema imunológico desconhece a substância, responde a ela causando todos os sintomas desagradáveis - e perigosos, muitas vezes.

Os sintomas variam de coceiras nos lábios, diarréia, vômitos, rouquidão, chiado nos pulmões e até mesmo anafilaxia, quando a garganta fecha e impede a passagem do ar ou quando a pressão arterial cai bruscamente.

Veja os alimentos campeões em causar alergia; se for alérgico, fuja deles:

Leia mais notícias de saúde, alimentação e bem-estar

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.