Tamanho do texto

Mallory Smothers compartilhou no Facebook foto do antes e depois da cor de seu leite após a filha ficar doente

A americana Mallory Smothers e mãe tem o costume de tirar seu leite e guardar em um recipiente. Entretanto, a mudança na cor do líquido a surpreendeu. Da noite para o dia, o leite ganhou um tom amarelado. A explicação que ela achou para isso foi que a filha adoeceu naquela noite.

O leite de Mallory mudou a coloração da noite para o dia
Reprodução/Facebook
O leite de Mallory mudou a coloração da noite para o dia


"Há pouco tempo li um artigo de uma revista de medicina sobre como o leite da mãe muda para se adaptar às necessidades dos bebês, não só apenas alterando a quantidade calorias. O médico dizia que quando o bebê fica doente, os vírus e bactérias presentes na saliva que fica no mamilo da mãe são interpretados pelos receptores das glândulas mamárias e o corpo da mãe muda a composição imunológica do leite", explica Mallory em sua página no Facebook.

"Senti isso na pele hoje quando estava empacotando o meu leite. Ele mudou de cor logo após uma doença da minha filha. Ela passou a noite espirrando muito e com o nariz entupido", contou a mãe na rede social. 

Mallory e a filha
Reprodução/Facebook
Mallory e a filha


O estudo que Mallory se referiu foi publicado pela Clinical & Translational Immunology Journal e revelou que infecções tanto em mães quanto em bebês podem causar um aumento de leucócitos (um tipo de glóbulo branco que ajuda a combater infecções) no leite materno. Esse aumento provoca a mudança na cor do leite materno. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.